John Oliver e sua relação de amor e ódio com a Copa

Blog de Moda MasculinaCultura
Às vésperas da realização da Copa do Mundo, o comediante britânico John Oliver resolveu compartilhar suas impressões sobre o evento e a FIFA, organizadora do Mundial.


O apresentador não poupou críticas: seus comentários vão desde a construção da exorbitante Arena Amazônia, em Manaus (que, segundo ele, após o término dos jogos, irá tornar-se “o banheiro para pássaros mais caro do mundo”), passam pelo fato de que a FIFA derrubou a lei brasileira que proibia a venda de cerveja nos estádios por ter a marca Budweiser como uma de suas principais patrocinadoras, e vai até a escolha do Qatar como país-sede de 2022, revelando indices assustadores de morte de trabalhadores nas obras por conta do clima extremamente quente do local.

Apesar das alfinetadas sarcásticas e revelações surpreendentes (leia-se revoltantes), o apresentador confessa que está muito excitado com a chegada da Copa e confessou ser difícil sentir alegria por algo que vem de uma organização tão sombria quanto a FIFA.

Polêmico, não? Conte para a gente também sua opinião a respeito.


Juliana é uma publicitária aquariana que adora dar sua pitada de ironia nas coisas. Suas maiores paixões são gente, música e as linhas tortas que escreve por aí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.